Índice da gestora brasileira Hashdex subiu 17,8% devido à alta do bitcoin em outubro

Em outubro, as métricas da gestora se recuperaram conforme o preço do bitcoin aumentou e trouxe otimismo para o mercado de criptomoedas.



Nessa terça-feira (3), Hashdex, gestora brasileira de criptoativos, divulgou sua carta mensal referente ao mês de outubro.

Em outubro, o índice HDAI (Hashdex Digital Assets Index), o “Ibovespa dos criptoativos“, teve um desempenho de 17,8%, afirma a carta.


Apesar da queda em setembro, o desempenho anual do índice está em 86,1%.


O HDAI não segue um número fixo de criptoativos e é ajustado trimestralmente de acordo com o amadurecimento do mercado cripto.


Os ativos de melhor desempenho no mês de outubro foram bitcoin (BTC), litecoin (LTC) e bitcoin cash (BCH), enquanto os de pior desempenho foram OMG, NEO e tezos (XTZ).

A volatilidade do índice terminou outubro com 37,9%.


A gestora relembra o preço recorde do bitcoin em outubro, que ultrapassou a faixa dos US$ 13 mil após o anúncio de alocação da criptomoeda pela grande empresa de pagamentos Square e da confirmação dos serviços cripto a serem oferecidos pelo PayPal.

Além disso, Hashdex explica como a Ethereum 2.0 está próxima de ser lançada para solucionar os problemas de congestionamento do blockchain em meio à recente febre do setor de finanças descentralizadas (DeFi).


Fonte: MoneyTimes

1 visualização0 comentário