AES Brasil firma acordo de R$ 855 milhões com Itaú Unibanco

O negócio envolverá a subscrição pelo Itaú de novas ações preferenciais a serem emitidas pela Gaimbê Solar, detentora de projetos renováveis


Fonte: Forbes


A elétrica AES Brasil, controlada pela norte-americana AES, fechou acordo de investimento com o Itaú Unibanco que envolverá um aumento de capital de R$ 855 milhões em uma empresa do grupo detentora de projetos de geração de energia eólica e solar.


O negócio envolverá a subscrição pelo Itaú de novas ações preferenciais a serem emitidas pela holding detentora desses projetos renováveis operacionais, a Gaimbê Solar, informou a AES Brasil em comunicado na noite de ontem (17).


“Com a subscrição do aumento de capital, no valor de R$ 855 milhões, o Itaú se tornará acionista da Guaimbê Holding e passará a deter participação equivalente a 19,9% de seu capital social“, afirmou.


A empresa da AES Brasil na qual o banco passará a ter participação controla subsidiárias associadas ao complexo solar Guaimbê e ao parque eólico Alto Sertão II.


A elétrica, que antes usava o nome de AES Tietê, disse que o acordo com o Itaú “reforça sua capacidade de trazer investidores de qualidade”, bem como o compromisso da instituição financeira com o fomento da geração de energia renovável.


“Para a AES Brasil, trata-se de uma oportunidade de fomentar seu projeto de crescimento, direcionando os recursos aportados pelo Itaú para ampliar seu portfólio de projetos de geração de energia renovável”, afirmou.


A efetivação da operação está sujeita a condições suspensivas comuns a transações dessa natureza, acrescentou a elétrica. (com Reuters)


Fonte: Forbes

2 visualizações0 comentário